Nos próximos dias 20, 21 e 22 de junho, irá decorrer na Universidade dos Açores, no campus de Ponta Delgada (Anf. VIII), um encontro internacional que tem por objetivo abordar e debater o papel da mulher no mundo do trabalho, nos séculos XIX e XX, tendo em conta a diversidade de profissões desempenhadas e os contributos económico-sociais femininos, assim como os seus ecos a nível da cultura e das mentalidades. O colóquio, que tem como principais conferencistas, as Doutoras Irene Vaquinhas, da Universidade de Coimbra e Patricia Zakreski, da Universidade de Exeter, contam com a participação (presencial e online) de investigadores do continente e da região, bem como do Brasil, Espanha, Reino Unido, Canadá e Suécia.

Este Colóquio integra-se nas atividades do Projeto de Investigação intitulado “Trabalho (no) Feminino (1850-1926): Histórias dos Açores” (Ref.ª M1.1.C/C.S./022/2019/01), financiado pelo programa PRO-SCIENTIA, do Governo Regional dos Açores. Este projeto está associado ao CHAM Açores, núcleo do CHAM – Centro de Humanidades (NOVA/Açores) e tem como entidades parceiras o CEPESE e as associações Novo Dia e HistóriaSábias. O público interessado poderá assistir, aos trabalhos, presencialmente ou por videoconferência. Todas as informações, assim como o programa e os resumos das intervenções, estão disponíveis no website: https://trabalhonofeminino.uac.pt/.

Para mais esclarecimentos, poderão contactar a organização através do e-mail: trabalhonofeminino@gmail.com.